20/05/2016
Sesai promete melhorias para a saúde indígena em MS
Vereador Anilson Prego participa de reunião com a Sesai e lideranças indígenas

Eles chegaram aos poucos. Organizaram as cadeiras em círculos e aguardavam com ansiedade. Na roda, sorrisos e tereré eram elementos que não faltavam, apesar das dificuldades do cotidiano, a esperança estava prestes a ser renovada pelo visitante que eles aguardavam.

 

Lindomar Ferreira assumiu a coordenação da Sesai (Secretaria Especial de Saúde Indígena) há quase dois meses, com o compromisso de melhorar o atendimento público de saúde para os indígenas do Estado.

 

No encontro com as lideranças indígenas locais e com o vereador Anilson Prego (PT), o coordenador da Sesai se comprometeu a ouvir os indígenas, além de desenvolver ações que visam a melhoria da saúde indígena em MS. “Vamos construir uma parceria, queremos trabalhar junto ao poder público e ouvir quais são as necessidades dos povos indígenas para atendê-los da melhor forma possível, esse é nosso compromisso”, ressalta Ferreira.

 

NOVO COMANDO, NOVOS COMPROMISSOS

 

Atualmente com 14 pólos espalhados pelo Estado, sendo um deles em Amambai, a Sesai é responsável exclusivamente pela administração da saúde indígena no Mato Grosso do Sul. De acordo com o novo coordenador da Secretaria, as principais prioridades para o memento são um levantamento sobre os recursos da Sesai e, ouvir as necessidades das comunidades indígenas do Mato Grosso do Sul.

 

“Uma das principais reivindicações dos moradores da Aldeia Amambai é a disponibilização de uma ambulância que atenda na aldeia 24h por dia. Até 2019, nós compraremos 150 ambulâncias e faremos o possível para solucionar o problema daqui”, revelou Ferreira.

 

O presidente da Câmara Municipal, vereador Anilson Prego (PT), que sempre desenvolveu políticas públicas voltadas às comunidades indígenas de Amambai e região, destacou a iniciativa da Sesai e reforçou seu compromisso com a instituição. “Espero que o Lindomar desenvolva um bom trabalho em Amambai e ajude a melhorar a vida das pessoas das aldeias daqui. Meu compromisso com os indígenas continua, irei contribuir com a Sesai no que for possível”, comenta Prego.


A Aldeia Amambai, a maior da cidade, possui aproximadamente 9 mil moradores e apenas 2 postos de saúde para atender a população. A falta de agentes comunitários de saúde também é uma reclamação.



Estado do Mato Grosso do Sul
Câmara de Amambai
Rua Sete de Setembro, 3359 – Fone: (67) 3481-1551